Últimas notícias

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

SINPROESEMMA de Santa Luzia do Paruá evita se posicionar publicamente contra irregularidades cometidas pela gestão Plácido Holanda

Ônibus escolares em situações de precariedade, escassez de merenda escolar de qualidade em várias escolas, problemas de infraestrutura em prédios, atrasos no pagamento de funcionários. Aquilo que era tido como prioridade de luta pelo sindicato mudou drasticamente nos últimos 11 meses da gestão Plácido Holanda. Os representantes da entidade mesmo com um festival de falhas cometidas pela atual administração evitam se posicionar publicamente em rádios ou em blogs contra o atual gestor contra por exemplo o rombo proveniente do não repasse patronal para a SANTAPREV além de parar de ouvir o coro da comunidade escolar que vem exigindo melhorias no setor de educação. 
Nesta quarta-feira (22), a nossa redação recebeu um vídeo-denúncia gravado por alunos da rede municipal de ensino mostrando os perigos registrados durante a trajetória do ônibus escolar até o estabelecimento de ensino, iremos divulgá-lo amanhã (23), mas o que mais impressiona é que o número de ações do referido sindicado (SINPROESEMMA no Ministério Público contra a gestão que rege o município praticamente beirou a nulidade ou seja mesmo chovendo equívocos administrativos, o sindicato parece se encontrar em standy by, e a situação por enquanto só piora em Santa Luzia do Paruá.

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Todos os direitos reservados © 2014 | Layout modificado por Genesis Design