Últimas notícias

sábado, 28 de outubro de 2017

Com documentos comprobatórios e extratos bancários em mãos, ex-prefeita de Santa Luzia do Paruá desmascara e ironiza atual gestor em entrevista de rádio

A entrevista diga-se de passagem foi o assunto mais comentado no meio político da cidade durante a semana. A ex-prefeita, adotando uma postura totalmente diferente da que se acostumou a mostrar, se dirigiu na última quinta-feira (26) aos estúdios da Radio Digital FM com uma gama de documentos e extratos bancários em mãos. 

Há semanas atrás, o atual gestor não tendo a quem recorrer na busca por bodes expiatórios, tentou responsabilizar a ex-gestora pelo pandemônio causado por ele mesmo nas contas públicas municipais. Com um perfil diferente daquele passivo da qual ficou caracterizada, a ex-prefeita quebrou o silêncio e partiu para a ofensiva mediante a tentativa da atual gestão Plácido Holanda em burlar os direitos dos funcionários públicos municipais que é de receberem seus vencimentos. "Mais afinal, o que é que está acontecendo? conseguiram falir a prefeitura em apenas 10 meses? No meu governo eu deixei tudo em dias, e agora não tem dinheiro pra nada.  Isso é lamentável para a população que confiou e agora se vê nessa situação desastrosa, onde muitas famílias estão passando necessidade", ironizou Eunice.

O respaldo da fala se dá no fato da mesma, em 04 anos de mandato ganhar a fama de jamais ter atrasado os salários de funcionários municipais, inclusive arcando com salários e 13º deixados pendentes pela gestão que havia lhe antecedido.
Munida de documentação (em excesso), a ex-prefeita Eunice Boueres Damasceno expôs os documentos que provam que foram deixados quase R$ 4 milhões em caixa nas contas da prefeitura, e muito mais que isso, a ex-gestora fez questão de denunciar o uso irregular das contribuições de funcionários públicos para bancar salários milionários para advogados na SANTAPREV.

"Na nossa administração um advogado da SANTAPREV, nós pagavamos R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos), hoje estão pagando R$ 18.000,00 (dezoito mil reais), por que esse absurdo?" declarou a ex-prefeita expondo sua indignação com as atrocidades que estão sendo cometidas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Todos os direitos reservados © 2014 | Layout modificado por Genesis Design