Últimas notícias

terça-feira, 13 de junho de 2017

Professores de Carutapera-MA fazem a 2ª manifestação do ano, em prol de reajuste salarial; Prefeito segue "cego, surdo e mudo" para a categoria

Com força, coragem, determinação e consciência da luta pelos seus direitos, professores de Carutapera-MA, deram hoje um grande exemplo de cidadania. Foram à Câmara Municipal mais uma vez pedir aos Srs. VEREADORES, que intercedam junto ao Prefeito Municipal de Carutapera-MA, para que este conceda reajuste salarial a categoria, no ano de 2017.

Ao longo dos últimos meses o Sindicato-SINTEP/CARU, já teve reuniões e através de documentos já tentou várias vezes resolver o impasse. No entanto, a Prefeitura Municipal tem se mostrado intransigente e não sinaliza nenhuma proposta que seja satisfatória para os professores.

Por último, o Sindicato, apresentou a proposta que parece mais coerente. Ou seja, o valor que ultrapassar o limite previsto para o município R$ 18.124.000,00, dos recursos do FUNDEB, 60% seria transformado em abono para os professores na proporção do salário de cada um. Proposta que foi aceita pela categoria e levada ao conhecimento da Prefeitura, que se manifestou favorável. Porém, quando se foi elaborar a Lei para garantir segurança jurídica ao ABONO, a Prefeitura voltou atrás e resolveu não mais aceitar o que tinha acordado e além do mais, informou que também não daria o reajuste.

Diante desse impasse e da apresentação de uma alternativa para o caso, os professores decidiram se manifestar pedindo apoio aos vereadores. Com isso, a Câmara criou hoje, uma Comissão de Vereadores, e deu um prazo de até 15 dias para apresentar uma solução quanto ao reajuste ou abono aos professores.

Em Assembleia, os professores se posicionaram e aceitaram essa sugestão do Poder Legislativo. Porém, também votaram o indicativo de que, se não for dado reajuste ou aceito a proposta do ABONO aos professores por parte da Prefeitura Municipal, será deflagrada greve e o Sindicato acionará todos os órgãos competentes para as ações necessárias no sentido de se resolver esse impasse.

A indignação e o descontentamento dos professores são grandes com a administração municipal e isso tem contribuído para um clima tenso entre representantes da Prefeitura de Carutapera e Professores.

De acordo com professores ouvidos o gestor segue "surdo" para ouvir os anseios da categoria, "cego" para constatar os equívocos cometidos e "mudo" para falar em reajuste salarial.

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Todos os direitos reservados © 2014 | Layout modificado por Genesis Design