Últimas notícias

sábado, 8 de abril de 2017

Sem apoio do poder público para continuar com seu tratamento, pai de família de Santa Luzia do Paruá faz apelo em prol de sua saúde

“Seu Valdir” como é popularmente conhecido na rua Ceará (onde reside), na Vila Santo Estevão se viu vitima de chikungunya no ano passado e acabou perdendo todos os movimentos do corpo. De acordo com informações prestadas, ele passava por um processo de fisioterapia 4 vezes por mês, isto até o mês de dezembro de 2016. Desde o início do ano até a presente data, a situação que já deveria ter sido sanada acabou se agravando, seu Valdir acabou vendo o seu quadro evolutivo estagnar por falta de suporte por parte da Secretaria Municipal de Saúde de Santa Luzia do Paruá, o homem está há quase quatro meses sem o devido acompanhamento profissional que era oferecido pela prefeitura até 2016.
Para não ver a complicação originar paralisia, o mesmo está tendo que se deslocar até Teresina e sem receber os cursos relativos ao TFD (Tratamento Fora do Domicilio), a família do mesmo está tendo que vender produtos para bancar todo o custeio. Hoje o homem que anda com muita dificuldade precisando ser sustentado por mulatas só não perdeu todos os movimentos do corpo graças ao grupo familiar que se compadeceu de sua situação.

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Todos os direitos reservados © 2014 | Layout modificado por Genesis Design