Últimas notícias

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Criminosos tentaram incendiar Hospital Francisca Melo na noite deste domingo (31) e populares tiveram que organizar mutirão para conter as chamas

O incêndio diga-se de passagem criminoso foi registrado por volta das 22h00 deste domingo (31). Populares das proximidades do hospital testemunharam colunas de fumaça provenientes do prédio e acionaram o vigilante. Ao chegarem onde ficava a porta de entrada do que hoje é um hospital desativado para reformas, os populares se depararam com as chamas provocadas de forma acintosa por alguém mal intencionado ou movido simplesmente pela politicagem. A polícia militar foi acionada e compareceu ao local para realizar as averiguações necessárias. Os moradores relatam que com a paralisação das obras de reforma do hospital provenientes da má vontade do governo do Estado que remanejou os 08 milhões que deveriam ser destinados para reforma e ampliação, muitos residentes nas proximidades se fazem presentes no terreno na intenção de furtar materiais deixados no prédio. O vigilante que trabalha há anos no local relatou ainda que profissionais da Regional de Saúde compareceram ao prédio há vários meses atrás para levar os equipamentos hospitalares e outros itens como ar-condicionados do prédio, porém até a presente data, não cumpriram com suas responsabilidades no que diz respeito ao arquivamento de toda a papelada deixada abandonada no interior do hospital. O mais preocupante é que entre os arquivos estão prontuários, fichas e outros materiais com dados de pacientes que passaram pela unidade quando está se encontrava em funcionamento. Os responsáveis pelo incêndio criminoso, usaram exatamente essa papelada para tentar propagar as chamas o que dificultou ainda mais o trabalho dos populares. O atual secretário de saúde do Maranhão em evento realizado no segundo semestre do ano passado, reafirmou que o governador Flávio Dino não tem o menor interesse em reabrir o hospital, o que deixou a população de Santa Luzia do Paruá ainda mais revoltada já que nas últimas campanhas eleitorais ao discursar em cima de um carro de som, o até então candidato Flávio Dino afirmou categoricamente à todos pelo microfone que, reabriria o Hospital Francisca Melo ainda em seu primeiro ano de mandato. O que resta hoje para a população local é lamentar o discurso meloso e enganador proferido pelo candidato e hoje governador do Maranhão.

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Todos os direitos reservados © 2014 | Layout modificado por Genesis Design