Últimas notícias

segunda-feira, 20 de abril de 2015

Deputado Josimar e o silêncio de quem prometeu demais

Desde que assumiu o cargo de Deputado Estadual com louvor (99.252 votos), as expectativas quanto à atuação do Deputado Estadual mais votado do Maranhão eram grandes, principalmente na região. O "Moral da BR" como gostava e gosta de ser chamado, era tido como um nome certo para ocupar uma das cadeiras da Assembleia Legislativa do Maranhão. O extenso currículo do mesmo dava-lhe estimulo certo para isto. Já no período pré-eleitoral o mesmo manifestava apoio as causas que julgava procedentes como manifestações, shows e eventos tanto em Santa Luzia do Paruá como nas cidades circunvizinhas.
Diversas obras na região foram concluídas neste período com a louvável parcela de contribuição do ex-prefeito de Maranhãozinho e isto serviu para enaltecer ainda mais a expectativa dos partidários do mesmo. Alguns correligionários de campanha chegaram a estipular que o mesmo alcançaria os 100 mil votos muitos meses antes das eleições de 2014, e ao final as estimativas não estavam tão distantes assim, pelo contrário, por uma mínima parcela o Deputado eleito não chegou a casa dos 100 mil votos alcançados em todo o território maranhense.

Meses já se passaram desde que o mesmo assumiu o cargo de Deputado Estadual (01 de fevereiro), e uma coisa tem preocupado tanto eleitores quanto lideranças políticas que apoiaram o mesmo. O silêncio de Josimar tem ecoado nos bastidores políticos da região, muitos tentam não se posicionar oficialmente mas por trás das cortinas ainda estão esperando um início do retorno dos apoios políticos dados ao deputado eleito.

EM SANTA LUZIA DO PARUÁ:
Obras do Hospital paralisadas
Na cidade o mesmo foi o Deputado Estadual mais votado, obtendo um total de 4.036 votos (34,95%).
Na metade do mês de fevereiro, as obras de reforma e ampliação do Hospital Francisca Melo orçadas em mais de 8 milhões de reais foram paralisadas por questões administrativas, o Governador Flávio Dino usou a alegação de que as paralisações ocorreram em todo o Estado para que o setor responsável pudesse contabilizar e fiscalizar o andamento das obras para ai então poder reiniciar as mesmas. No entorno desta situação, o Deputado Josimar não se posicionou em nenhum momento oficialmente, com ações concretas para demonstrar interesse na reabertura do Hospital, algo que se fez pronunciável pelo mesmo quando esteve em campanha pelas ruas de Santa Luzia do Paruá.

EM NOVA OLINDA:
Professores de Nova Olinda em manifestação
Na cidade de Nova Olinda do Maranhão, o mesmo galgou a primeira posição como o Deputado mais votado da cidade, derrotando nas urnas em número o também eleito Deputado Hemetério Weba. Enquanto Josimar recebeu 3.567 votos (41,13%), Hemetério Weba conquistou 3.073 votos (35,44%).
Após 3 meses de salários atrasados, os professores de Nova Olinda do Maranhão decretaram greve na rede pública de ensino, para completar o pandemônio, os conselheiros tutelares do municípios em resposta as péssimas condições também decretaram greve nos serviços.
Os professores se encontram há dias em diversas manifestações pela cidade em repúdio as ações do prefeito Delmar Sobrinho, chegaram a realizar um "panelaço" na frente da Prefeitura Municipal de Nova Olinda, mas o que se esperava de Josimar em Nova Olinda também não aconteceu, pois o mesmo não se manifestou contra as atitudes de seu aliado político Delmar Sobrinho e não se posicionou oficialmente a favor dos professores da causa. Já o seu desafeto político, Deputado Hemetério Weba tomando "as dores" resolveu escancarar os erros e atrocidades cometidos pelo aliado político de Josimar e perante outros deputados ressaltou a situação em que o município de Nova Olinda se encontra.

EM ARAGUANÃ:
Pais e alunos pedindo socorro em Araguanã
Na cidade de Araguanã apoiado pelo então prefeito Walmir Amorim, o mesmo também foi o mais votado com cerca de 2.616 votos (53%).
Na última semana a região contemplou diversas manifestações por parte de pais e alunos do Ensino Médio na cidade que não tendo onde estudar, estão vendo o ano letivo ser prejudicado.
Em um estopim, foi organizada uma manifestação e um bloqueio temporário ao trecho sobre a ponte da cidade, na Br 316, com o objetivo de chamar a atenção das autoridades para a problemática vivida pelos estudantes.
A Unidade Regional de Educação de Zé Doca informou diversos prazos para o fim do impasse no pagamento do aluguel do prédio, mas passa-se os prazos e nada acontece.
Nenhum dos deputados eleitos pelos moradores da cidade se prontificou oficialmente para prestar o suporte necessário para sanar o problema do Ensino Médio na cidade, algo que teoricamente não deveria ser tão burocrático quanto está sendo.

Causa estranheza o silêncio inoportuno daquele considerado por muitos o maior representante da região. A expectativa é que ocorra uma mudança de postura do mesmo que até o presente momento mesmo tendo grandes oportunidades de mostrar a mudança que pregou, ainda não mostrou realmente a que veio.

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Todos os direitos reservados © 2014 | Layout modificado por Genesis Design