Últimas notícias

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Em Santa Luzia do Paruá - Professora da Rede Pública Municipal é acusada de agredir adolescente

Parece que os tempos de paz e amor entre alunos e professores ficou no passado, com o crescimento da violência nas escolas o que comumente se vê nas salas de aula de todo o Brasil são alunos que não respeitam mais os professores e em casos que já não são exceção até partem para a agressão verbal ou física, mas um caso ocorrido a poucos dias na Escola Laura Estrela foge desse comum, isso porque foi a professora a acusada e não o aluno. O caso aconteceu na Unidade Integrada Laura Estrela, localizada na Avenida Professor João Morais de Sousa, segundo informações repassadas ao blog através da Polícia Civil a adolescente chegou em estado de choque e quase não conseguiu dialogar devido o ocorrido. A professora conforme relatos iniciais ao ser questionada pela direção da escola se realmente agrediu a adolescente não afirmou nem que sim, nem que não, e só ressaltou o mau comportamento de seus alunos. Optamos por preservar o nome tanto da professora que tem sobrenome "religioso" e que lesiona na referida escola, como também preservar o nome da menor que aparentemente foi a vítima no caso até que o Ministério Público Municipal encontre uma solução para solucionar o impasse.
Em um trecho do documento o perito afirma: "menor com estado psicológico em choque"
Os responsáveis pela criança a conduziram para a delegacia onde a mesma fez um Boletim de Ocorrência relatando a suposta agressão sofrida pela professora. O caso já foi enviado para o Ministério Público para que o mesmo possa dar uma solução que seja aplausível tanto para a adolescente quanto para a sociedade.

CONFIRA MAIS FOTOS DOS DOCUMENTOS QUE AJUDAM A ELUCIDAR O CASO:






DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Todos os direitos reservados © 2014 | Layout modificado por Genesis Design