Últimas notícias

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

EXCLUSIVO: Em entrevista Pastor Dimas Souza fala sobre o AVIVAI 2014, Construção do novo Templo Sede e sobre alguns temas polêmicos

O Projeto Avivai em pouco menos de 4 anos se tornou conhecido estadual e nacionalmente, e um dos grandes segredos para o exito do mesmo está no dinâmismo da dupla introduzida pelo pastor Dimas Sousa (Pastor Presidente da Assembleia de Deus de Santa Luzia do Paruá) e pastor Deijhanson (co-pastor da igreja e coordenador do Avivai). Diante de muitas certezas absolutas e incertezas questionáveis ou até meramente irrelevantes o pastor Dimas não se absteve de nenhuma das perguntas a ele direcionadas, sendo enfático em diversos momentos da entrevista ao externar quais são os seus objetivos e metas para o Projeto Avivai, ao mesmo tempo em que não se "esquivou" de temas polêmicos e informacionais tanto para a Igreja, quanto para a sociedade luziense em um sentido mais amplo.

QUEM É O PASTOR DIMAS DA SILVA DE SOUSA OU COMO MUITOS O CHAMAM, PASTOR DIMAS?

  • Pastor Dimas da Silva de Sousa (popularmente conhecido como Pastor Dimas); 
  • Idealizador do Projeto Avivai; 
  • Formado em Teologia, pós-graduado em Ciência da Religião, formado em Letras e Cursando Filosofia;
  • Está há 15 anos pastoreando, mas somente há pouco mais de 3 anos a frente da Assembleia de Deus em Santa Luzia do Paruá;
  • Casado e pai de 4 filhos.


CONFIRA ABAIXO A ENTREVISTA PARCIAL EM TEXTO E A ENTREVISTA COMPLETA EM AÚDIO:

PERGUNTA 1
PASTOR O SENHOR CHEGOU À ASSEMBLEIA DE DEUS DE SANTA LUZIA DO PARUÁ EM UM MOMENTO DE TURBULÊNCIAS MINISTÉRIAIS NA IGREJA, SOMADO A MUITOS MOMENTOS DE INCERTEZAS POR PARTE DOS FIÉIS QUE AQUI SE CONGREGAVAM E APESAR DO CURTO ESPAÇO DE TEMPO O SENHOR CONSEGUIU ENVOLVER A IGREJA NESSE AMPLO PROJETO EVANGÉLISTICO POPULARMENTE ENTITULADO POPULARMENTE DE PROJETO AVIVAI. TENDO COMO BASE ISSO QUE EU MENCIONEI PAR AO SENHOR, EU GOSTARIA DE LHE PERGUNTAR: ATÉ AQUI QUAIS ERAM AS SUAS EXPECTATIVAS QUANDO O SENHOR CHEGOU À PRESIDENCIA DA ASSEMBLEIA DE DEUS EM SANTA LUZIA DO PARUÁ E PARA COMPLEMENTAR MINHA PERGUNTA GOSTARIA DE PERGUNTÁ-LO QUAIS SÃO SUAS EXPECTATIVAS FUTURAS ENQUANTO O SENHOR ESTIVER DESSA IGREJA? 
PASTOR DIMAS SOUZA RESPONDE: Quando fui pastor em Nunes Freire eu tinha um projeto bem simples chamado "IDE", quando fui para Turilândia, minha segunda igreja era o projeto "Colheita", na terceira igreja era o projeto "Jericó" e chegando em Santa Luzia me veio à mente o "Projeto AVIVAI". Esses 3 projetos anteriores foram aperfeiçoando o que eu hoje chamo de projeto Avivai. A primeira coisa que eu faço quando chego a uma igreja, eu peço uma visão de Deus baseada na problematica da igreja da cidade, então eu senti que a igreja precisava e a cidade precisava era experimentar experiencias de avivamento, avivamento, salvação, renovação. No primeiro e segundo ano eu tive algumas barreiras pra poder colocar o Avivai porque as pessoas eram muito apegadas ao Celebrai e achavam que dois projetos era muito complicado, e se fosse pra escolher um dos dois era bom ficar logo com o que já existia que era o Celebrai, mas mesmo assim eu fiz cada ano o Projeto Avivai aonde as pessoas perceberam que é uma visão que realmente produz, uma visão diferente, uma visão nossa, da Igreja de Santa Luzia do Paruá, ele cresceu muito o projeto Avivai, inclusive desde o ano passado a gente o organizou de uma forma e Deus ampliou e este ano também, nós organizamos de uma coisa e Deus ampliou então o que eu posso dizer é que Deus tem confirmado esse projeto, e eu já tenho visões de outras mudanças para o ano que vem...(Continua)


PERGUNTA 2
PASTOR, BASEADO NESSA SUA AFIRMAÇÃO, A GENTE SEMPRE COSTUMA DIZER QUE UM GRANDE PROJETO PRIMEIRO PRECISA TER COMO BASE UMA GRANDE ESTRUTURA, UMA BOA LOGÍSTICA E UM GRUPO DE PESSOAS CAPACITADAS PARA TIRÁ-LO DO PAPEL. BASEADO NESSA SUA AFIRMAÇÃO NESSE MOMENTO EU QUERIA QUE O SENHOR COLOCASSE EM EXPOSIÇÃO QUAL FOI A SUA ANALISE ACERCA DO AVIVAI DO ANO PASSADO, O QUE AS PESSOAS VIRAM NO AVIVAI 2013 E QUE NESTE ANO AO CHEGAR NO EVENTO IRÃO NOTAR DE DIFERENTE?
PASTOR DIMAS SOUZA RESPONDE: Primeiro o Avivai "mexeu" muito com a igreja ano passado, e isso motivou a igreja nesse ano a "chegar mais junto". Um projeto como esse depende necessariamente de uma igreja que entende a visão do lider, porque eu já tive em igrejas aonde eu tinha essa visão que eu tive aqui do Avivai, porém eu não senti o apoio da igreja, e eu parei o projeto, e em Santa Luzia a igreja incorporou, ela abraçou a visão e esse é o diferencial, e eu sempre falo que hoje em Santa Luzia eu estou realizando alguns sonhos que a igreja está me proporcionando realizar porque a Igreja ela abraça a visão do lider...(Continua no aúdio)


PERGUNTA 6
PASTOR, AI VEM UMA QUESTÃO POLÊMICA: NO ANO PASSADO O PROJETO AVIVAI COINCIDIU COM OUTRO EVENTO ORGANIZADO PELA IGREJA CATÓLICA E MUITOS MILITANTES CATÓLICOS CHEGARAM A AFIRMAR QUE ESSA COINCIDÊNCIA FOI PROPOSITAL, CHEGARAM A DIZER QUE ISSO FOI CASO PENSADO E AINDA NO ANO PASSADO O SENHOR SE DIRIGIU ATÉ A RÁDIO ONDE CONCEDEU UMA ENTREVISTA E DIRECIONANDO A SUA FALA O SENHOR AFIRMOU QUE OCORREU UM ERRO DE INTERPRETAÇÃO POR PARTE DOS QUE CRITICARAM O ACONTECIDO E QUE ESTE ANO A DATA SERIA AGENDADA COM ANTECEDÊNCIA TANTO PARA QUE NÃO HOUVESSE ESSA FALSA INTERPRETAÇÃO COMO TAMBÉM PARA QUE OS SIMPATIZANTES CATÓLICOS PUDESSEM TER A OPORTUNIDADE DE NÃO SE DIVIDIR ENTRE DOIS EVENTOS E CONFORME O ANUNCIADO A DATA EM QUE IRÃO SE ESTENDER OS TRABALHOS DO AVIVAI FOI ANTECIPADA ESTE ANO JÁ COM ESSE OBJETIVO. EU QUERIA PERGUNTAR PARA O SENHOR: O SENHOR TEM ALGUM CONVITE ESPECIAL A FAZER PARA OS QUE NÃO SÃO EVANGÉLICOS, CATÓLICOS OU SOMENTE SIMPATIZANTES COM RELAÇÃO AO AVIVAI?
PASTOR DIMAS SOUZA RESPONDE: Essa pergunta é muito boa e até gostaria que ficasse bem claro o seguinte: Eu percebi que ano passado...Primeiro lugar, nós marcamos o Avivai se não me falha a memória, do dia 01 ao dia 08 de dezembro, a festa da Igreja Católica era do dia 03 ao dia 13 de dezembro, então quando a festa terminou no dia 08 a Igreja Católica ainda tinha 5 dias de festa, porém nada disso eu analisei, até que particularmente eu não vejo que houve problema, que eu tenha causado algum dano até porque o que é evangélico tem o público evangélico, o que é católico tem o público católico e nós terminamos 5 dias antes de terminar a festa da Igreja Católica, mas se alguém acha que foi ruim  tudo bem, eu respeito, agora não foi feito isso de caso pensado, inclusive eu aprendi ano passado que o dia de Santa Luzia é dia 13 de dezembro, até então eu nem sabia disso, eu como evangélico nunca tive datas de santos na minha cabeça, então por causa disso eu aprendi ano passado que dia de Santa Luzia é dia 13 de dezembro, e como eu aprendi isso ai eu coloquei para a última semana de novembro, o Avivai acontece e acontecerá sempre na última semana de novembro, não precisa nem chegar em dezembro não, porque esse não é nosso objetivo, porém Valdenor eu gostaria que ficasse claro que eu percebo que Santa Luzia é uma cidade muito politica, muito politica, e não é só politica partidária social não, mas até religiosa, pelo menos é a visão do que eu vi do ano passado. Nós começamos o nosso Avivai em 2011, nós temos as nossas marchas, 2011, 2012, 2013, marchas normais e tal, mas eu percebi ano passado que parecia assim uma competição, uns querendo marchar melhor, aquela coisa, e nós não temos essa pretenção.
"Mas ah tinha muita gente fora aqui no Avivai?"  
Mas claro, a gente não está querendo provar nada, diminuir pessoas não, nosso intuito é mandar carta para as igrejas virem fazer a nossa festa, nós não queremos provar nada pra ninguém, a gente quer fazer a festa que a igreja sempre fez, nosso costume, então nossas marchas sempre serão com bastante gente que a gente vai trazer de fora, e carro de fora, porque sempre foi assim nossos trabalhos, então não tem nada haver com disputar com A, ou B ou C, nada disso, se alguém de outra denominação ou católico pensar assim e implicar com isso ai ele está se "perdendo" porque não tem nada a ver e outra coisa. 
O Projeto Avivai tem um jargão que nós colocamos que é "SANTA LUZIA DO PARUÁ É DO SENHOR JESUS",  ai foram tantas criticas que eu recebi, ai disseram que "ah! agora que eles descobriram que é do Senhor Jesus", com aquela coisa, então tudo é uma questão de interpretação. A prefeita do município, ela entendendo a visão porque é uma palavra de benção na cidade...Em lugar nenhum aqui da terra é ceu, nós vivemos na terra cheios de problemas e tal(...), mas quando a gente declara que um lugar é do Senhor Jesus estamos abençoando aquele lugar, é como você chegar em um local aonde houve crimes e várias coisas ruins, ai você vai e diz : "mal dia pra você!" Não...Você diz "BOM DIA" , "BOA TARDE", "BOA NOITE" você está dedicando um dia bom por mais que aquele seja um ambiente mau, mas é culturalmente comum você dizer :"Bom Dia", "Boa Tarde",  Boa Noite", nunca nós vamos chegar e dizer : "Mal dia pra você" ou "péssimo dia pra você", então é declaração, ai a prefeita colocou a placa com a declaração "SANTA LUZIA É DO SENHOR JESUS", ai foi outra complicação que criaram, outra situação que criaram pra tentar colocar a igreja...Então é muita política religiosa que na verdade não nasce dentro da Assembleia de Deus, nós não estamos nem um pouco preocupados com isso, nem um pouco, está bem "aqui" a santa (imagem de santa Luzia), tem a santa bem ali, a imagem ai, tranquilo, tá ai a imagem, os católicos não estão felizes pela imagem??? Pronto, tranquilo! 
Ai vem a prefeita, coloca uma placa "SANTA LUZIA É DO SENHOR JESUS" porque é um jargão comum do povo evangélico, quer dizer, "tá errado", "tá ruim", "não pode", quer dizer, o que é isso??? Cadê a questão democrática, cadê a questão de respeito.
Então eu acredito que falta entendimento, eu acho que maturidade também porque eu acho que existe muito também sei lá ciúme, inveja, não sei mas precisa se ter maturidade pra saber viver socialmente dentro dessas instituições e fazer os seus  trabalhos  normais, do que tá implicando com politica, isso ai é chato. Se eu fosse "esquentar" com politicagem ai eu  botaria a festa no mesmo dia lá, no dia 08 de dezembro e tal e nós ia "brigar" pra ver quem tinha mais público, mas não é essa nossa intenção, até porque todos os crentes da Assembleia de Deus já foram católicos então geralmente são simpatizantes da igreja que se convertem e a gente não está querendo isso não, a gente quer que seja pregado o Evangelho, quem se interessar pelo Evangelho que venha aceitar a Cristo como seu Salvador e estamos "conversados", mas nós não queremos confusão ou briga com ninguém!


CONCLUSÃO E CONVITE FEITOS:
PASTOR, CONCLUINDO A ENTREVISTA EU GOSTARIA QUE O SENHOR FIZESSE QUALQUER COMPLEMENTAÇÃO, AGRADECIMENTO OU CONVITE PARA OS QUE IRÃO TER A OPORTUNIDADE DE LER OU OUVIR O QUE O SENHOR ESTÁ FALANDO NESSE EXATO MOMENTO.
PASTOR DIMAS SOUZA COMPLEMENTA: Bom, primeiramente eu queria dizer para todos que estão lendo essa entrevista é que a Assembleia de Deus de Santa Luzia do Paruá é uma igreja que nós temos passado à ela a visão de Reino, uma igreja com visão de Reino. Uma igreja com Visão de Reino é uma igreja onde a autoridade literalmente deve ser Jesus, a Palavra de Cristo que no caso está inserida na Bíblia Sagrada...Porque as vezes a gente diz que Deus é o nosso Rei, que é o nosso comandante, porém a gente vive diferente, a gente leva a igreja quase como se fosse um sindicato, uma associação que tem o pastor como chefe dessa associação, aquela coisa toda e a pessoa fica indo para contribuir ou não com a associação, mas quando se coloca a Visão de Reino então só existe um Rei nessa Terra que é Jesus, então eu indo contra as normas da Igreja eu não estou indo contra pastor, contra lider, eu estou indo contra o Rei que é Jesus e a Igreja tem assimilado isso, a Igreja tem conseguido assimilar dessa forma, é por isso que estamos ali no "Tabernaculo" sofrendo, um lugar ruim, dificil, mas estão lá alegres, cantando e louvando a Deus, e não é só a construção do templo não, nós temos construidos outros templos, congregações no interior, eu vou lançar agora esse mês duas pedras fundamentais para a construção de uma congregação no Calisto e no Tatajubal, congregação no Cajueiro agora, temos aqui a Peniel que vai ser construida também com o terreno que a Prefeitura cedeu para a igreja, tem a Gileade que nós fundamos agora em fevereiro e já estamos atrás de ponto para construir também, então a Assembleia de Deus é uma Igreja que tem assimilado essa visão de Reino...(Continua no aúdio)

OBSERVAÇÃO: A ENTREVISTA COMPLETA POSSUE 9 BLOCOS COM 1 PERGUNTA CADA, TENDO EM VISTA O EXTENSO CONTÉUDO SÓ SERÁ POSSIVEL SUA REPRODUÇÃO PARCIAL EM TEXTO, PORÉM A ENTREVISTA COMPLETA VOCÊ PODE CONFERIR CLICANDO NO PLAYER ABAIXO

CONFIRA A ENTREVISTA COMPLETA EM AÚDIO CLICANDO SOBRE O PLAYER ABAIXO (APROXIMADAMENTE 35:30 MINUTOS):



DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Todos os direitos reservados © 2014 | Layout modificado por Genesis Design